quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Crazy



Bill Maher é um comediante de luvas de boxe. Meteu-se em sarilhos nas semanas após o 11 de Setembro, ao dizer, no seu programa da ABC, que os terroristas suicidas eram corajosos. A frase foi usada pela propaganda nacionalista de maneira a que parecesse que Maher estava a apoiar os atentados. Ele estava apenas a dizer que sim, que são preciso balls para ser protagonista de tamanha alarvidade homicida. Muitos querem pensar que só os loucos são capazes de coisas assim. Não querem reconhecer que mesmo a humanidade sem patologias mentais é capaz de ser brutalmente inumana. Bill Maher foi despedido. A HBO pegou nele e deu-lhe um programa - Real Time with Bill Maher ainda está no ar.

E agora saiu o seu novo documentário, sobre religião: Religulous. Mal posso esperar. Bill Maher: uma ovelha fora do rebanho. Graças a Deus.

3 comentários:

Clara disse...

E agora como é que nós vemos esse documentário? Será que vai chegar aqui ao terceiro mundo? Ou tenho de ir num instante passar férias aos EUA? Não podes abrir estes apetites às pessoas!

Hugo Gonçalves disse...

Não consegui saber se o documentário estreia em Portugal - mas como foi realizado pelo mesmo director de Borat, é capaz de despertar algum interesse comercial nos nossos distribuidores. Caso contrário, podes sempre prevaricar um bocadinho e procurar o filme em sites como Nabolister ou Showreel. Mais tarde ou mais cedo, há sempre um pirata que disponibiliza os filmes em stream.

Hugo Gonçalves disse...

Não consegui saber se o documentário estreia em Portugal - mas como foi realizado pelo mesmo director de Borat, é capaz de despertar algum interesse comercial nos nossos distribuidores. Caso contrário, podes sempre prevaricar um bocadinho e procurar o filme em sites como Nabolister ou Showreel. Mais tarde ou mais cedo, há sempre um pirata que disponibiliza os filmes em stream.